Jornal Nacional mostra vídeo em que Luciane Bezerra e deputados aparecem recebendo propina

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), e a prefeita de Juara, Luciane Bezerra (PSB), foram filmados recebendo pacotes de dinheiro no Palácio Paiaguás.

Além deles, o deputado federal Ezequiel Fonseca (PP), e os ex-deputados Alexandre César (PT) e Hermínio Jota Barreto também aparecem nas cenas, feitas na sala do ex-chefe de gabinete de Silval Barbosa (PMDB), Sílvio César Araújo.

Segundo o ex-governador, o dinheiro era repassado aos parlamentares em troca de apoio aos projetos do Executivo.

As revelações foram feitas na delação premiada de Silval ao Ministério Público Federal, homologada pelo Supremo Tribunal Federal.

Nas imagens, divulgadas nesta quinta-feira (24) pelo Jornal Nacional, o prefeito Emanuel aparece enchendo os bolsos de seu paletó com maços de dinheiro.

Um deles, com notas de R$ 100,00, cai no chão e o então deputado se abaixa para pegá-lo.

Já o ex-deputado federal Ezequiel Fonseca, hoje deputado federal, recebe o dinheiro em uma caixa de papelão. O também ex-deputado J. Barreto coloca o dinheiro em uma pasta de couro.

A prefeita de Juara, ex-deputada Luciane Bezerra, coloca os maços de dinhero em uma bolsa de couro.

O ex-deputado Alexandre Cesár, sentado, acomoda os maços de dinheiro em uma mochila.
Procurado, o prefeito Emanuel Pinheiro disse que “não fez nada de ilícito” e que vai comprovar isso na Justiça.

O deputado Oscar Bezerra, marido de Luciane, declarou que a esposa recebeu dinheiro para quitar dívida de campanha eleitoral. Já Silvio César afirmou que não vai comentar a situação porque as investigações estão sob sigilo.

A reportagem ainda divulgou um trecho do depoimento de Silval em que ele revela o plano de pagar R$ 6 milhões para que o ex-secretário de Fazenda Eder Moraes mudasse o depoimento a respeito de um esquema de compra de uma vaga no Tribunal de Contas do Estado.

“Nessa conversa, expus a Blairo Maggi o pedido feito por Eder Moraes para se retratar, tendo Blairo Maggi concordado em efetuar o pagamento”, afirmou Silval.

Segundo o ex-governador, Maggi pagou R$ 3 milhões, e ele outros R$ 3 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here